Capa

Império Endurance Brasil Império Endurance Brasil

Ligier vence as Quatro Horas do Velocittá e Gaetano Di Mauro é o campeão de 2023 do Império Endurance Brasil

Porsche quebra jejum de sete anos e fica com o título da GT3; Equipe Suttgart também levou o título da GT4 com Jacques Quartiero e Danilo Dirani

10.12.2023  |  1.104 visualizações

Gaetano Di Mauro foi o grande campeão da temporada 2023 do Império Endurance Brasil. O piloto que compete na categoria que reúne os carros mais rápidos do Brasil a bordo de um protótipo Ligier venceu as Quatro Horas do Velocittá acelerando ao lado de Guilherme Bottura e Gustavo Kiryla. A conquista do degrau mais alto do pódio, aliada a uma série de tropeços dos seus principais concorrentes ao longo da prova realizada no último sábado, fez o piloto da equipe BTZ saltar da 12a posição para o topo da tabela classificação, garantindo a ele o título inédito do campeonato.

Ao sair do carro, Gaetano fez questão de dividir o feito com seus companheiros de equipe: “Este é um momento muito especial para todos da BTZ, todos que acreditaram no sonho de fazer essa equipe. Não chegamos aqui como favoritos, mas nosso trabalho em conjunto fez com que essa vitória se tornasse possível. Dedico esta vitória, principalmente, ao Guilherme Bottura. Matematicamente ele não é campeão junto comigo por que não disputou uma etapa, mas a verdade é que, só vencemos, porque ele fez uma temporada fantástica e nem é justo que, só porque ele não disputou uma única prova, ele não seja também o campeão deste ano”, disse Gaetano. Bottura não disputou a etapa de Cascavel por conta de uma cirurgia na vesícula. 

Já na categoria GT3, não teve zebra. Marcel Visconde, Marçal Muller e Ricardo Maurício foram campeões ao cruzar a linha de chegada na segunda colocação da prova. O bicampeonato da Porsche quebrou um jejum de títulos que já durava sete anos e marcou a despedida do modelo 911 utilizado pelo trio da equipe Suttgart nas últimas temporadas.

“Fizemos um campeonato muito regular. Subimos ao pódio em todas as etapas do calendário. Vencemos duas vezes, uma delas em Goiânia, que tecnicamente falando não favorecia as características do nosso carro… Tudo isso pavimentou nosso caminho em direção ao bicampeonato. Ano que vem teremos um novo carro e essa conquista foi muito importante para fecharmos um ciclo de forma vitoriosa”, afirmou Marcel Visconde após a prova, que foi vencida pela dupla Marcelo Hahn e Allam Khodair, que competem a bordo de uma McLaren 720s.

A Porsche também foi a grande campeã da GT4, com Jaqcques Quartiero e Danilo Dirani. Assim como na GT3, eles confirmaram o título cruzando a linha de chegada na segunda posição. O topo do pódio ficou com o Mustang de André Moraes Jr - que também estava na briga pelo título - e Leandro Ferrari. A vitória, entretanto, não foi suficiente para tirar o troféu das mãos da dupla da Stuttgart.

“Soubemos construir este título ao longo das etapas. Conquistamos cinco segundos lugares e duas vitórias em oito corridas. Então foi realmente um ano fantástico. Ano passado ficamos na segunda colocação e seguimos evoluindo. O Jacques evoluiu demais também. Foi um título muito merecido e agora vamos celebrar muito essa conquista e nos preparamos para buscar o bicampeonato ano que vem”, afirmou Dirani.

A temporada 2024 já tem data para começar. A corrida que abrirá o campeonato está marcada para o dia 16 de março, em Goiânia. O campeonato também passará pelo Velocittá e Interlagos.

Leia também...
22.02.2024

Confirmações serão enviadas até o dia 12 de março

22.02.2024

Autódromo Ayrton Senna, em Goiânia, será o primeiro a receber os carros mais rápidos e badalados do país. Ingressos estão à venda a partir de 20 reais

08.12.2023

Trio que compete a bordo do protótipo Sigma superou os líderes Xandinho Negrão e Marcos Gomes e vai em busca do título na P1 e Geral

05.12.2023

André Moraes Jr está na ponta da tabela com o Mustang, mas regularidade coloca as Porsches da Stuttgart como os únicos carros que só precisam da vitória para ficar com a taça